Telemedicina, videochamada, compras online, transportes por aplicações, pagamentos por telemóvel…. o mundo está louco! diria o meu avô que antigamente era avesso a tecnologias e hoje em dia é fã número um.


Hoje é o dia dos avós! Parabéns a todos os avós!

Um dia sem dúvida especial para muitos netos e netas. Os avós são aquelas pessoas que estão na nossa vida desde pequenos, que nos acompanham e nos veem crescer de perto mesmo longe. Que nos amparam quando precisamos, que nos consolam quando estamos tristes, que nos percebem com apenas um olhar, que nos mimam e nos enchem de carinho sempre que nos veem.

Um amor incondicional

Devido à evolução da tecnologia e da ciência temos a sorte de conseguir ter os nosso avós e pais por mais tempo com uma qualidade de vida impressionante. O mundo está em constante mudança e com essa mudança existem adaptações inevitáveis. A internet é uma dessas alterações que as pessoas mais velhas tiveram que se adaptar para sobreviver à conjuntura em que nos encontramos. Outra das realidades que estas pessoas tiveram que aprender foi a lidar com os equipamentos eletrónicos para conseguirem falar à distância com amigos, familiares e até profissionais de saúde.

O mundo está do avesso

As chamadas telefónicas estão a cair em desuso dando lugar às aplicações, os livros estão a dar lugar aos ebooks, as consultas presenciais a consultas virtuais, as compras físicas a lojas online, até a televisão hoje em dia já está a ser substituída pelos computadores, tablets e smatphones, permitindo-nos levar as nossas series e programas favoritos para qualquer lugar.. Os jogos sociais como jogar às cartas, jogar às damas, ao berlinde, mikado, ao quem é quem, à batalha naval, quatro em linha, aos dados, tudo está em mudança para ser virtual dando relevância à tecnologia. Jogos, que ainda hoje brinco com os meus avós de forma física mas que, para as crianças de hoje em dia não passam de jogos arcaicos, olhando-nos como se fossemos pessoas da idade da pedra.

Socialização ou teleconfraternização?

Para os avós, a tecnologia veio piorar e acabar com a vertente social, aquela altura em que as pessoas ficavam sentadas à mesa para conversar, para beber café, para contar o seu dia a dia e histórias durante horas a fio…hoje em dia os avós olham em redor e as pessoas estão sentadas na mesma mesa a falar e a rir umas com as outras mas pelo telemóvel.. estranho hã?!?

Tecnologia e longevidade. De mãos dadas

No entanto, também sabem que a tecnologia e os progressos da medicina vieram melhorar e muito a qualidade de vida das pessoas. Há soluções conhecidas no mercado ou a serem desenvolvidas com o intuito de ajudar a combater vários problemas e a transformar o dia a dia de cada pessoa num dia melhor e com esperança de obterem maior longevidade junto dos seus.

Soluções de futuro. Projetos que constroem ambientes para uma Vida Ativa, Segura e Saudável

É o caso do projeto ActiVas, uma solução que tem impacto em várias vertentes: suporte à rede de cuidados de proximidade, promoção da funcionalidade humana através da estimulação física e cognitiva; interação do espaço construído através da sua digitalização via realidade aumentada; desenvolvimento ou adaptação dos materiais com integração de sensores; utilização de sistemas de monitorização, mobiliário e equipamentos, dando resposta a necessidades humanas específicas.

Ou até mesmo o projeto MedOn, uma solução voltada para a reconciliação terapêutica que permite ajudar as pessoas mais seniores com dificuldades em aderir à terapia prescrita. De forma simples e intuitiva esta aplicação permite ao seu familiar próximo ou cuidador informal acompanhar e gerir toda a sua terapia garantindo que não há falhas ou esquecimentos.

Um olhar esperançoso

Todos os dias surgem novas e inovadoras ideias, projetos, empresas com soluções cujo objetivo é combater o isolamento, distanciamento, monotonia, estimular a mente, a fala, os movimentos, melhorar a prestação de cuidados de saúde, a monitorização 24h e principalmente potenciar a longevidade com qualidade de vida. Tudo isto claro, sem sair de casa.

O mundo mudou, trouxe coisas boas e coisas más, mas para mim, ter as pessoas de quem gosto mais tempo e de boa saúde faz-me ver estas evoluções como algo muito positivo e com um olhar esperançoso.

Uma lição de vida!

A verdade é que podemos dizer que os nossos avós ainda hoje nos conseguem surpreender. A mudança é algo que as pessoas normalmente não lidam bem e têm dificuldade de adaptação. Por norma a rotina, o dia a dia, a estabilidade, é algo que as pessoas ainda têm muito apreço e valorizam bastante. Mas quando a mudança chega, com ela surge também a preocupação, o medo, a instabilidade, a insegurança e a resistência.

A vida mudou de um dia para o outro e trouxe mudanças irreparáveis e inevitáveis. No entanto, vi os meus avós a lutarem para se manterem ativos, para se adaptarem às tecnologias e às novas tendências e a saber viver dentro das suas limitações. Um orgulho e sem dúvida uma grande lição de vida.

dia dos avós